.                                        
                
 
     

 

  Artigos

 

     

 

  Administrando a casa

 

       Economia doméstica

     Funcionários domésticos

     Economizando

     Poupando
     Reforma
     Evitando desperdício
     Saúde Sanitária

Patologia da casa, doenças das paredes, doenças do sono, mofo, formigas, cupim, informações sobre insetos, emergências, desinfecção da casa e roupas, cuidados com o telhado.

     Imóvel

     Dicas para a hora da compra

     e manutenção
     Temas Diversos
     

 

  Vida Social da Família

 

     Recebendo
     

 

  Decoração

 

     Decorando
     Cortina / Persianas

Aproveitamento de espaços, cortinas econômicas e bonitas, sofás e material para decoração.

     Dicas e sugestões
 
 

 

                                        

 

 

 

 

         Ecos da nova Lei
         das domésticas

 

        "A empregada doméstica não faz o que você faz.
        Mas, você faz melhor o trabalho da doméstica."

 

         Suzana Bertioga
         02, Junho/2013
         Editora: Maria da Penha Vieira

          

 

     Index Casa

 

       

Reforma

Telhados

Patologia da casa

Pragas

Decorando

 

Exatamente, essa é a preocupação máxima que chega com os novos ares legais para as domésticas, domésticos de um modo geral. As donas de casa, as empregradoras, terão pela frente desafios no que tange à administração doméstica, mas nada que não seja recorrível a outras soluções, certamente, bem melhores. Ninguém é insubistituível e, ademais, como consequência do custo que será manter uma empregada fixa, o feixe de saídas emergenciais fará desabrochar uma nova mentalidade dentro das próprias famílias. Todavia, o principal, não foi abordado pela PEC. Como se lê no comentário abaixo.

 

Falou-se tanto em igualdade, mas esqueceram de mencionar que as pessoas jurídicas empregadoras têm meios legais de abater as despesas empregatícias nos tributos que pagam. Igualaram o empregador doméstico nas obrigações, mas não nos direitos, pois nós praticamente não temos essa opção. O problema dos apóstolos da igualdade, é que jamais desejam a real igualdade, mas apenas aquela que acham conveniente." Daniel Antonio De Aquino Neto ( Via FaceBook )

 

Todos os entraves que em um primeiro momento se apresentam, a dificuldade com a nova lesgislação, serão paulatinamente bem acomodados. Não há porque arracar os cabelos, aquelas donas de casa que são mães e trabalham fora. Claro que não será adequado sobrecarregar mãe e sogra com responsabilidades que são das mães e dos pais, mas vez por outra, uma ajudazinha, contudo, lembrando de que 'quem pariu Mateus que o embale'.

Muito melhor do que deixar os filhos o dia inteiro com a empregada que nada tem a ensinar para os filhos alheios, que deseduca, a creche será a saída e com muito mais vantagens para as crianças e para as mães Porém é bom que os pais fiquem muito atentos porque a doutrinação ideológica começará muito mais cedo e com maior intensidade sobre as tenras mentes das crianças.

Compensará parar por alguns minutos e terminar esta leitura. Um 'tiro no pé' das domésticas, pode ser, mas o governo não está preocupado com isto. Do outro lado, o governo de esquerda e que tem planos assustadores para deslanchar o comunismo, terá um imenso contingente de cabecinhas prontas para absolver a doutrinação. De qua forma as mães irão acompanhar se está sendo ministrada a doutrinação ideológica ?

Outro ponto importantíssimo que a mãe precisa pensar é quem irá repassar valores aos seus filhos? Noutras palavras, a pergunta é, quem os irá educar realmente. À Escola não cabe este papel e, se assim os pais aceitarem, a escola será muito mais nociva do que a companhia da empregada.

As famílias com filhos adolescentes precisarão rever deveres para todos com determinação de tarefas domésticas aproveitando as habilidades de cada um. Desde sempre, na cultura brasileira é a 'mãe pau para toda obra' ou a empregada. Isso vai mudar; daí vai nascer uma nova mentalidade em nossos jovens. Terão que aprender a fazer um café, se virar a cozinha para prepapar alimentos, lavar suas roupas. Coisas tão normais em países avançados.

Elaine Schussler, casada, 3 filhos de 11, 21 e 17 — Minha família esta acostumada sem a mordomia de uma empregada doméstica, nós nos adequamos sem elas, quando dá fazemos um mutirão e organizamos tudo; sobra dinheiro para investir em educação, temos mais privacidade; mas, eu entendo que as mulheres que trabalham fora estão numa sinuca de bico.

Cada membro da família tem uma tarefa definida, mas a maior parte do trabalho fica por minha conta, às vezes contrato uma diarista. Na minha opinião, o tiro saiu pela culatra; elas estão ficando desempregadas e serviços domésticos podem ser feitos pela própria família bem organizada." ( Leia outros depoimentos via Via FaceBook ).

 

O DominioFeminino está apostando em alguma mudança maior, como a volta de muitas mulheres ao lar, ou que elas se estabelecerão profissionalmente dentro da própria casa. É possível que muitas resolvam aproveitar seus talentos e habilidades em atividade que possa ser exercida dentro de casa. .

É até mesmo possível, também, que muitas empresas, diante dessas dificuldades, estimulem o trabalho em home office. Em algumas áreas, por exemplo, nem sempre o empregado precisa estar fisicamente presente, podendo desenvolver sua função de sua casa. Este, vamos dizer assim, sistema já é praticado em umas poucas empresas, de modo ainda muito insípido, se comparado ao países desenvolvidos.

Apostamos também, em micro-empresas prestadoras de serviços que farão limpeza de casas e apartamentos, como as que servem em prédios comerciais e grandes empresas. Inclusive elas poderiam absorver a mão de obra das empregadas domésticas desligadas dos seus empregos anteriores à Lei.

 

Nova regência legal

 
 

Ecos da nova lei dos empregados domésticos

 
 

Como negociar e lidar com o cotidiano

 

 

Sobe

 

                    

DF
Interativas

Amizade

ClubeDF

CtrlQualidade

Participe
Expatriates

Onça

Amor

Seguros

Socorro

Trabalho&

Negócios

Serviços

Separação

Moda

ElesPorEles

Viagem

Cultura

NetColun@

NetHumor

Brechando

Entrevistas

Mulher

JovensElas

Noivas/Noivos

Perfumes

Lar&Casa

Lojas

Saudável

Internacional

Lazer

Lojas

Temáticos

Editorial
Opinião
Editora
DF

 

Domínio Feminino © 2000 -2013. Todos os direitos reservados. ] Brasil - Brazil, we speak brazilian Portuguese